Segunda-feira, 26 de junho de 2017 às 19:43 em São João 2018
Festejos juninos se despedem do Sítio Trindade

 

No último dia da diversificada e autêntica programação montada pela Prefeitura do Recife para o maior arraial da cidade, não faltou animação e forró. Ao todo, o Sítio Trindade ofereceu 14 dias de festa para toda a família, com shows de grandes artistas no palco principal e na Sala de Reboco, além do 33º Concurso de Quadrilha Juninas do Recife e da 4ª Mostra Recife de Quadrilhas Juninas Infantis.

 

O Ciclo Junino segue com muita festa na cidade até o próximo dia 1º. Os recifenses ainda vão poder celebrar o padroeiro dos pescadores, com shows no Pátio de São Pedro, entre os próximos dias 28, 29 e 30 de junho, e em Brasília Teimosa, no dia 29. No dia 1º, serão realizadas as três festas nas ruas vencedoras do concurso cultural Eu Amo Minha Rua, realizado pela Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer.

 

No Sítio Trindade, os forrozeiros custavam a aceitar que era hora de arrastar o pé para casa. E fizeram questão de aproveitar cada pedacinho da programação, que começou no palhoção das quadrilhas, com muita fofura junina, na quarta edição da Mostra Recife de Quadrilhas Juninas Infantis. 

 

Com o tema Se for melhor dançar São João, levante-me, a quadrilha mirim Matutinho Dançante, do Ibura, abriu o último dia de apresentações. Depois dela, a quadrilha Mirim Trapiá Pernambucana, de Jaboatão dos Guararapes, apresentou o tema Ser criança é ser bom, bom, trazendo os personagens do conto clássico João e Maria para brincar o São João no Recife.

 

Terceira a se apresentar na segunda e última noite da mostra, a Junina Fusão, do Alto de Nossa Senhora de Fátima, adoçou o palhoção com o tema Como é doce ser criança, que contou a história do algodão doce, adicionando muita fantasia à receita. A Mirim Flor de Maracatu, que veio dos Bultrins, em Olinda, recriou a roça no palhoção do Sítio Trindade, com o tema Casamento do interior.

 

A quinta apresentação da noite foi da Quadrilha Menezes da Roça, que levou pra o palhoção o tema Se essa rua fosse minha, numa explosão colorida de tradições juninas, arrancando longos e vigorosos aplausos da platéia. A mostra encerrou com a apresentação da Quadrilha Junina infantil Brincant's Show, com o tema Você não sabe da missa um terço.

 

Mas o forró continuou. Na sala de Reboco, os apaixonados pelo típico forró pé de serra curtiram os shows de André Lins, Trio Expresso, Forró Quentinho, Cilene Araújo e Chico Balla.

 

No palco principal, a derradeira noite foi animada. Abriu com o cantor Adiel Luna e seguiu com Aluízio do Acordeon e banda e Fabiana Pimentinha. Nando Cordel subiu ao palco pontualmente às 9h40, anunciando que o dia era de folia, com a canção que fez um enorme sucesso na voz de Xuxa. E seguiu cantando vários de seus sucessos, com o público acompanhando cada verso num animado coro.Para terminar o tradicional São João do Sítio Trindade, a cantora Nádia Maia embalou os casais que não cansavam de dançar bem agarradinhos.

 

A empresária Silvana Medeiros, 37 anos, aproveitou a última chance do ano para conhecer a festa do Sítio Trindade com a filha Letícia. "Morávamos em São Paulo e nunca assisti uma quadrilha, me surpreendi muito com as apresentações. Lá, frequentávamos quermesse e aqui fomos surpreendidos com esta grande festa."

 

Para a recifense Maria Auzeni, de 32 anos, a cada ano, o São João do Recife revela uma nova surpresa. "Venho todo ano acompanhar a festa junina no Sítio e a cada ano está melhor! Tudo incrível: quadrilhas, apresentações e organização."

 

Diana Goulart, 35 anos, que se mudou para Recife há pouco mais de um ano, escolheu comemorar seu aniversário com muito forró no Sítio Trindade. "Estou adorando meu aniversário. Nasci no dia de São João e amo essa festa. Como sou de Porto Alegre, nunca consegui comemorar a data dançando forró. Isso é maravilhoso, todas as tribos participando e se divertindo juntas é fantástico. Não poderia ter um aniversário mais animado".

 

A moradora do Rio de Janeiro, Marcelle Chicre, de 35 anos, ficou encantada com o São João do Recife. "Já vim várias vezes na cidade, mas nunca na época Junina. Estou adorando a experiência. Lá no Rio temos forró nas tradicionais feiras, mas é diferente. Não tem nem comparação.”

 

 

Confira a programação dos próximos dias:

 

 

Pátio de São Pedro

 

Dia 28 de Junho

 

17h30 - Quadrilha Junina Rosa Linda, Linda Rosa

19h - Família Salustiano e a Rabeca Encantada

20h - Lia de Itamaracá

21h - Rogério Rangel

22h40 - Maciel Melo

 

Dia 29 de Junho

17h - Dona Glorinha do Coco

18h - Geraldinho Lins (com participação especial de Petrúcio Amorim)

19h10 - Cristina Amaral

20h20 - Alcymar Monteiro

21h30 - Genival Lacerda

22h50 - Dino Braia

 

Dia 30 de Junho

19h - Festa do Fogo

 

 

Brasília Teimosa

 

Dia 29 de Junho

9h - Grupo de Bacamarteiros Rei do Cangaço

14 - Procissão

18h - Associação Esportiva Cultural Sereias Teimosas

18h30 - Quadrilha Junina Lumiar

19h - Edmilson do Pífano

20h20 - Novinho da Paraíba

21h40 - Michelle Monteiro

23h - Cristina Amaral

 

 

Eu Amo Minha Rua 

 

Dia 1º de julho - Três arraiais nas ruas vencedoras

 

 

 

Fonte: PCR

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!